Quanto pagamos de Imposto:

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM

Visite o blog:  NOTÍCIAS PONTO COM
SOMENTE CLICAR NO BANNER -- JORNAL PONTO COM **

PENSE NISSO:

PENSE NISSO:

domingo, 14 de junho de 2015

Argentina marca bobeira e cede empate ao Paraguai


Após sair vencendo por 2 a 0, Messi e companhia reduzem a marcha e levam empate no fim
Messi até marcou, mas não decidiu partida a favor da Argentina 
Foto: Martin Bernetti / AFP / CP
A Argentina marcou bobeira em sua estreia na Copa América e apenas empatou com o Paraguai por 2 a 2 na noite deste sábado. Depois de um grande primeiro tempo, no qual anotou o 2 a 0, a equipe albiceleste permitiu o empate dos guaranis no final. 
Com o resultado, as duas seleções dividem a segunda colocação do Grupo B da Copa América, que é liderado pelo Uruguai, que derrotou a Jamaica mais cedo. 

O Paraguai cometeu erros muito bobos logo no início e pagou a conta no ímpeto dos "hermanos". No começo, as tentativas de ataque foram pouco efetivas. A melhor foi aos 17 minutos, em chute de fora de Mascherano, que desviou em Messi e foi para fora. Nesse momento, a Argentina tinha 76% de posse de bola e dominava com facilidade. Sob muita pressão argentina, Samudio recuou mal a bola e Agüero aproveitou: driblou o goleiro Silva e anotou o 1 a 0. Nessa altura, o Paraguai estava não só encolhido, mas assustado. Em jogada de Di María e Messi, o jogador do Manchester United acabou sendo derrubado na área. Pênalti e novamente com Samudio no lance.
Messi assumiu a responsabilidade e ampliou com bela cobrança no cantinho. Nesse momento, uma parte da torcida pulava e cantava, enquanto a outra literalmente fazia reverência ao seu grande ídolo. A verdade é que a seleção jogava bonito. Dribles, tabelas, movimentação, toque de bola...
Só que tudo mundou no segundo tempo e o Paraguai mostrou que queria reagir. Voltou bem antes para o campo, e no jogo corria mais. Sob o comando de Valdez, primeiro obrigou Romero a fazer grande defesa. Pouco depois, não perdoou. Acertou um bonito chute de direita, aproveitando o goleiro adiantado, e diminuiu. A resposta veio com Messi, que arrancou e quase fez um golaço. Mas a finalização não foi certeira.
Nessa altura o jogo era lá e cá. Grandes chances reais para os dois lados. González e Valdez para o Paraguai, Messi, Di María e Agüero para a Argentina. Mas não demorou para os Guaranís saírem de vez. Acabou que foi premiada no fim. A bola sobrou para Barrios, que tinha entrado no lugar de Roque Santa Cruz, ele encheu o pé e guardou. Aos 44 do segundo tempo. Um banho de água gelada nos hermanos.


BC do Povo NEWS
Postar um comentário