Quanto pagamos de Imposto:

Visite o blog: NOTÍCIAS PONTO COM

Visite o blog:  NOTÍCIAS PONTO COM
SOMENTE CLICAR NO BANNER -- JORNAL PONTO COM **

PENSE NISSO:

PENSE NISSO:

domingo, 8 de maio de 2016

ORQUÍDEA BRASSIA, ORQUÍDEA ARANHA - ( Brassia verrucosa Lindley )...

ORQUÍDEA BRASSIA, ORQUÍDEA ARANHA - ( Brassia verrucosa Lindley )


ORQUÍDEA BRASSIA, ORQUÍDEA ARANHA - ( Brassia verrucosa Lindley )

NOME CIENTÍFICOBrassia verrucosa Lindley..

Nota: O gênero Brassia tem cerca de 30 espécies, é conhecida como orquídea-aranha, por alusão sua forma.

NOME POPULAR: Orquídea-brassia, orquídea-brassica, orquídea-aranha.

SINONÍMIABrassia aristata.

FAMÍLIA: Orchidaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: México, Guatemala, Honduras, Venezuela, Nicarágua.

Nota: É citado o Brasil também como origem, provavelmente devido a uma confusão entre a orquídea Brassia verrucosa e a Brassia bidens.

PORTE: Atinge cerca de 60 cm de altura.

FLORES: A inflorescência disposta de forma alinhada na haste floral chega a ter até 16 flores que medem cerca de 9 x 21 cm e duram em torno de 15 dias, floresce no verão.  
  
ORQUÍDEA BRASSIA, ORQUÍDEA ARANHA - ( Brassia verrucosa Lindley )
ORQUÍDEA BRASSIA, ORQUÍDEA ARANHA - ( Brassia verrucosa Lindley )
TRONCO: Sua haste floral atinge cerca de 40 cm.
LUMINOSIDADE: Gosta de receber sol filtrado por árvores, o sombreamento ideal é de 60%.

ÁGUA: Se estiver em vaso com substrato adequado a melhor forma de regar é mergulhando o vaso num recipiente com água

Nota: Não use esta mesma água para outros vasos, pois se houver fungos irá transferir para os outros.

CLIMA: Gosta de clima quente e úmido, é tolerante a clima ameno, a  temperatura ideal deve ser entre 12 a 30º C.

PODA: Não necessária, apenas a retirada de flores e partes secas da planta.

CULTIVO: O mais importante é a utilização de substrato correto que proporcione fixação, sustentação, aeração, drenagem de forma  que a planta possa absorver nutrientes e a umidade seja mantida.

Nota: Os substratos mais utilizados são a FIBRA DE COCO COM PÓ: tem secagem lenta, FIBRA DE COCO SEM PÓ: a secagem é moderada (antes de usar deixar de molho durante alguns dias fazendo a troca da água), CARVÃO: secagem rápida, MUSGO: secagem moderada, CASCA DE PINUS: secagem rápida. Também é usados grãos de isopor, cubos de coxim, piaçaba, pedaços de troncos de árvores, argila expandida, etc.

FERTILIZAÇÃO: Deve ser realizado após a floração, pode ser utilizado adubo próprio para orquídeas encontrado á venda em garden, seguindo as instruções do fabricante.

Nota: A utilização de fertilizantes comuns em orquídeas deve ser mais diluída, se for granulado não devem ter contato com as raízes expostas.

UTILIZAÇÃO: Fica muito bonita em vasos e canteiros preparados com substrato próprio para ela respeitando as condições de luminosidade, a grande quantidade de filhotes que irá brotar junto a planta mãe irá formar um maravilhoso maciço.

http://plantas-ornamentais.blogspot.com.br/
Postar um comentário